Pesquisar

Artigo
Formas de escolher o melhor aquecedor de água a gás

Como escolher o melhor aquecedor de água a gás

Poucas coisas na vida são tão relaxantes quanto um banho de água quente, principalmente depois de um dia estressante. Uma solução cada vez mais recorrente para conseguir água em uma temperatura adequada é o uso de aquecedores a gás. Presente em grande parte dos hotéis bem equipados, esse equipamento está se tornando cada vez mais comum também em casas e apartamentos.

Se você pensa em adquirir um aquecedor para a sua casa, mas tem muitas dúvidas, a Chatuba Materiais de Construção preparou esse artigo para te ajudar a escolher o melhor aquecedor de água a gás para a sua casa.

Entenda como escolher o melhor aquecedor de água a gás

Tipo de gás usado para alimentar o aquecedor

Antes de escolher o melhor aquecedor de água a gás, é importante saber que são dois os tipos de gás utilizados para alimentar o aquecedor: o GLP (Gás Liquefeito de Petróleo) e GN (Gás Natural).

O GLP é o gás mais comum, utilizado nos botijões de cozinha e presente na maioria das residências brasileiras. Possui maior facilidade no abastecimento e transporte, por se adquirir forma líquida em temperatura ambiente. É composto por propano e butano, substâncias mais pesadas que o ar e, em caso de vazamento, costumam se acumular junto ao chão.

Já o GN é composto pelo gás metano (CH4), é mais leve que o ar e se dissipa com mais rapidez em caso de vazamentos. Esse gás possui um fornecimento ininterrupto por redes de distribuição e sua pressão é sempre a mesma.

Existem aquecedores alimentados por GN, por GLP ou pelos dois. Antes de escolher o melhor aquecedor de água a gás, é importante saber qual o tipo de gás usado para o abastecimento da sua casa.

Dicas para escolher o melhor aquecedor de água a gás

Verifique as instalações

Sabendo qual o tipo de gás abastece a sua residência, o próximo passo é verificar as instalações hidráulicas. Certifique-se de há tubulações adequadas para água fria, água quente e o gás. Uma dica: Quanto mais distante o aquecedor estiver do local de consumo, maior é a perda de temperatura. Portanto, é muito importante que o aquecedor esteja instalado a uma distância adequada do chuveiro, torneira ou qualquer outro lugar por onde se deseja água quente.

Escolha a capacidade adequada do aquecedor

Para escolher o melhor aquecedor de água a gás, é preciso saber a demanda de água quente que se precisa. Separamos algumas capacidades de aquecedor e seu devido uso:

– 8 litros: Atende as necessidades de um banheiro com um chuveiro;

– 10 a 15 litros: Ideal para um banheiro que contenha um chuveiro e uma torneira;

– 22 a 26 litros: Capacidade de vazão para 2 banheiros, com duchas de 10 litros;

– 30 a 37 litros: Atende perfeitamente a 3 banheiros, com 3 duchas.

É importante saber que esses números são apenas uma base. Se o seu chuveiro possui uma vazão de 28 litros por minuto, por exemplo, um aquecedor de 22 litros não é suficiente e a água chegará até você morna ou fria. Para se ter uma estimativa da capacidade necessária para o aquecedor, basta saber a vazão de água de cada ducha da casa e somá-las. O resultado é o volume de água necessária para que haja água quente para as duas duchas ligadas simultaneamente. Ao escolher o melhor aquecedor de água a gás, é preciso ter a certeza de que a capacidade dele é maior do que o volume das duchas.

Eletrônicos ou mecânicos?

Um aparelho mecânico geralmente tem o que se conhece como “chama fixa”. Uma vez que você ajuste a intensidade da chama, ela permanece a mesma independentemente da quantidade de água que passar pelo aparelho, seja uma torneira aberta, uma ducha ou duas duchas ao mesmo tempo. Ajustes devem ser feitos manualmente caso sejam necessários. São necessárias duas torneiras no chuveiro: uma de água quente e uma de água fria. Assim, é necessário adequar a temperatura da água manualmente.

Já os aquecedores eletrônicos possuem o sistema de modulação da chama. Quando mais de um ponto de água é aberto ao mesmo tempo, o aparelho automaticamente ajusta a intensidade da chama para manter a temperatura desejada. Não há, portanto, a necessidade de fazer a mistura de água quente com a fria, a temperatura ideal para o banho é escolhida previamente, em um painel digital.

Exaustão Natural ou Exaustão Forçada?

A exaustão em um aquecedor de água a gás determina se os gases gerados durante a queima para o aquecimento são expelidos naturalmente ou com ajuda de uma ventoinha. No sistema de exaustão natural, é necessária uma chaminé maior, com restrições de altura. São sempre aparelhos mecânicos e não precisam estar conectados à energia.

Já os aquecedores de exaustão forçada possuem instalação facilitada e são os mais recomendados para locais muito altos, porque a ventoinha impede que o vento apague a chama do aquecedor. Além disso, possuem um tamanho mais compacto e possuem um baixo consumo de gás, sendo ideais para residências com espaço mais limitado. A Bosch, por exemplo, possui o modelo Therm 1000F, com exaustão forçada e ideal para pequenas residências.

Escolha aparelhos seguros

As certificações dos aquecedores a gás são a garantia da qualidade, eficiência e segurança dos equipamentos. O Inmetro possui um certificado concedido aos aparelhos que não oferecem riscos aos consumidores. Na hora de escolher o melhor aquecedor de água a gás, opte por equipamentos com certificado de garantia e de eficiência energética, que seguem os padrões internacionais de qualidade, como os aquecedores da Bosch, que atendem todas as normas de segurança e são certificados pelo Inmetro.
Para adquirir os aquecedores de água da Bosch e demais materiais de construção de qualidade para a sua casa, conte com a Chatuba! São 50 anos de tradição, confiança e qualidade. Conheça a nossas lojas!

Outros links úteis:
lojas de materiais de construção RJ
materiais de construção RJ
loja de material de construção

Fechar