Pesquisar

Artigo
Principais riscos no canteiro de obra

Conheça os principais riscos em um canteiro de obras

O canteiro de obras, quando não é bem gerido, pode oferecer diversos riscos à integridade física dos operários e ao andamento da obra. Para evitar acidentes que, além de custar a vida dos funcionários, podem acarretar prejuízos e atrasos nas entregas, é necessário, por exemplo, verificar as condições climáticas para o período de obra, ter cuidado na realização de escavações e exigir dos funcionários o uso de todos os EPIs indispensáveis para que a construção seja feita em segurança.

Sabendo o quanto o período de construção pode ser cheio de preocupações, a Chatuba te ajuda a resolver o problema dos riscos comuns em um canteiro de obras, para que você possa se manter atento e tomar todas as medidas necessárias para um bom andamento da construção e para que toda a obra seja entregue sem incidentes graves. Confira!

Riscos comuns em canteiro de obras

riscos no canteiro de obras

1- Incêndios

O fogo oferece grande perigo aos trabalhadores do canteiro de obra e se dá, principalmente, pela falta de armazenagem correta dos equipamentos elétricos, fios mal encapados, bitucas de cigarro e queima indevida do lixo da construção. Para evitar esse tipo de acidente, é preciso que haja a implementação de regras durante a obra, tais como:

– não fumar no canteiro de obras;
– manter os equipamentos elétricos armazenados em local fresco e arejado e manuseá-los somente quem possui treinamento e capacitação para isso;
– redobrar os cuidados durante as instalações elétricas, se certificando de que os fios estão devidamente encapados e ligados ao circuito que corresponde à sua voltagem;
– nunca, em hipótese alguma, colocar fogo no entulho e demais lixos provenientes das obras. Todo o lixo deve ser armazenado em caçambas ou enviado à reciclagem, de acordo com a sua origem e destino correto.

O Ministério do Trabalho e Emprego disponibiliza oficialmente em seu site a seguinte recomendação: “É proibida a queima de lixo ou qualquer outro material no interior do canteiro de obras”. Também é recomendado que não haja acúmulo de lixo seco, que pode ser um foco de incêndios.

2- Falta de segurança dos andaimes

Os andaimes são muito comuns em canteiro de obras e, para que cumpram o seu papel de proteger os operários no cumprimento das suas funções, devem seguir algumas recomendações de segurança, como:

– os equipamentos devem estar corretamente instalados, de acordo com o manual de instruções;
– as instalações devem ser verificadas por uma equipe de segurança, antes que seu uso seja liberado;
– a superfície sobre a qual os andaimes serão instaladas devem ser niveladas, a fim de que haja sustentação suficiente;
– as plataformas de movimentação dos andaimes devem ser de boa qualidade, robustas e sem obstruções;
– no caso de andaimes metálicos, eles devem ser montados a, no mínimo, cinco metros de distância das redes elétricas;
– todos os operários que fizerem uso dos andaimes devem estar devidamente equipados e serem treinados para a execução desse serviço.

3- Desabamentos e escavações

As escavações feitas de maneira incorreta no canteiro de obras podem causar desabamentos que podem ferir fatalmente os operários. Para evitar esse risco, qualquer tipo de escavação deve ser fiscalizada e feita de maneira que em sinal do menor risco aparente de deslizamento o trabalho seja interrompido e um estudo minucioso seja feito antes do início das obras, levando em conta as condições geológicas da terra, a umidade do terreno e a possibilidade de chuvas para o período de obras.

4- Erros no escoramento de estruturas

Os escoramentos apresentam alto risco para os funcionários de um canteiro de obras, visto que, caso sejam mal feitos, as chances de se soltarem, causando o desabamento de estruturas, são grandes. Por isso, deve ser feito um estudo do terreno, para verificar a necessidade ou não de uma base mais fixa para suportar as escoras. Elas devem, também, ser colocadas de maneira que haja entre elas espaço para a água da chuva, caso contrário, a força da correnteza pode derrubá-las. Também é necessário que haja uma vistoria periódica, a fim de constatar a integridade das escoras e manter o alinhamento do projeto.

5- Falta de uso dos EPIs

Os equipamentos de proteção individual (EPIs) são fundamentais para evitar riscos no canteiro de obras. Luvas, capacetes, botas, cintos de segurança e óculos são alguns dos equipamentos indispensáveis para que o operário da obra se mantenha seguro. É dever do responsável pela obra disponibilizar, de maneira gratuita, um kit com os EPIs importantes para que o operário se mantenha seguro e fiscalizar se todos, ao entrar e transitar pelo canteiro de obras, estejam equipados de maneira adequada.

6- Acidentes causados por materiais de procedência duvidosa

Os materiais de construção são parte importante para o andamento de qualquer obra. Para evitar o risco de acidentes no canteiro de obras, todo o material de construção utilizado deve ser de boa procedência, adquiridos em fornecedores confiáveis e oferecerem as garantias das quais você precisa para que tudo saia como o esperado. Principalmente materiais de áreas da obra mais suscetíveis a riscos, como da parte elétrica e hidráulica, todo o material adquirido deve ser reconhecidamente de qualidade.

Para isso, é preciso contar com uma loja de materiais de construção que seja confiável e de tradição. E você, do Rio de Janeiro, pode realizar as suas compras na Chatuba Materiais de Construção! Há mais de 50 anos no mercado, a Chatuba é a loja de materiais de construção no RJ mais popular e que oferece as melhores vantagens para os seus clientes. Vá até uma de nossas lojas e veja o que podemos fazer por você!

Fechar